segunda-feira, 21 de dezembro de 2009

Penso

O que há em seus olhos
que encanta meus pensamentos.
Ora penso, ora não penso.
E quando penso,
são direcionados a você.
[Mário Pires]
Minha felicidade
não depende de você.
Mas precisa bastante.
[Mário Pires]

sexta-feira, 13 de novembro de 2009

Sonhos



Os sonhos são perfeitos
mesmo quando eles terminam.
Sonhe sempre! Viva o momento e
faça deles os melhores possíveis.

[Mário Pires]

sábado, 24 de outubro de 2009

terça-feira, 20 de outubro de 2009

Percebendo o amor...

Sentado a beira do rio
usufruindo a força e a beleza dos ventos
sob o canto de pássaros lentos
envolvidos em acrobacias da natureza.

Sentia a linda e pequena correnteza
vinda de um córrego que conquistou espaço
alimentando tudo e todos sem precisar de proeza,
sem cobrar um carinho nem mesmo um cuidado.

Fui relaxando com tamanha paz
trazidas pelas sombras de uma árvore
robusta e frondosa pela força do seu caule,
gloriosa com seus ramos de belas flores.

Sob a luz do sol
o arco-íris formava cores.
E do fruto vinha os demais sabores
Que nem Dante em sua suma poesia
descreveu em versos tudo aquilo que sentia.

Mas, e o amor?
Onde está o amor?

O amor percebo nas águas que viram mar
que de tão doce se doam... sem nada você pagar
e ainda assim, tu abusas sem conceder-lhe um obrigado.

Percebo que ele está nos pássaros a cantar
que em meus ouvidos soam sem parar
os mais belos versos de amor do eco-sistema.

No ar puro que a árvore produz
lá também está o amor que o conduz
através do singelo movimento de respirar.

São distintos os exemplos da percepção
mais quentes com o calor do coração
exaladas pelas luz solar
que me seduz o dia,
mesmo tendo a noite,
mesmo que ela seja fria,
para que eu possa trovejar
simples e encaixadas sílabas.

Enfim, o amor percebo em tudo.
Tudo aquilo que faz do ser
viver para conhecer e ensinar
de como o tudo é:
um tanto largo,
um tanto perverso,
um tanto falso
um tanto profundo.

Mas... ainda assim,
Percebendo-se o amor.

domingo, 18 de outubro de 2009

Pelo dom de Viver

Na escuridão de um fim do dia
A verdade eu queria dizer,
onde a sombra se prepara, se vestia,
que loucuras que podes alguém fazer?

Se falar de sonhos
ou de frases sentimentais
que acabam por si mesmo,
assim num tanto faz.

Nas cobranças
De quando alguém falou de amor
Perguntando quais palavras poderia expressar.

Sob intensa e forte dor
tudo se calou
pois tão grande era a verdade
que tinha a guardar.

Nada daquilo que imaginava
era o amor...
Tudo tão transitório
de um mundo experimental.

Foi então que descobri
que onde há a dor
tem um sentimento letal:
que hora atenta,
que hora se apaixona,
que hora se engana
que hora proclama
com os pequenos prazeres
usufruidos pelo dom de viver.

sábado, 17 de outubro de 2009

Saudade de você



Sinto falta de você
dos sons, dos versos
das letras e das cordas
da música que de ti brota.

Acordes, cifras
são suspiros de sonhos
que transformam
sentimentos em sinfonia,
dedilhados em harmonia
incluida nas mais belas partituras
que leva aos tímpanos
notas perfeitas
num sublime transcorrer
das águas que vão para o mar
sob o olhar de um homem que,
calado,
sente uma imensa saudade de você,
meu querido violão.

[Mário Pires - Bar Cais do Porto em 16/10/2009]

quarta-feira, 7 de outubro de 2009

Saber esperar


Quem espera
por grandes decisões no amor
prova que não sabe amar.
Porque umas das maiores
virtudes do amor
é saber esperar.

[Mário Pires]

terça-feira, 22 de setembro de 2009

Em busca dos sonhos



A cada instante
que as horas mudam e o tempo flui.
É sempre o momento
para pensar positivo e seguir em frente,
na busca de seus sonhos.

[Mário Pires]

sexta-feira, 18 de setembro de 2009

O novo...

Que o novo seja novo, com a
esperança de viver tudo de bom,
mesmo que seja tudo de novo.
[Mário Pires]

quinta-feira, 17 de setembro de 2009

Saudade...

Quando sentimos que
queremos algo,
isso é VONTADE.
Quando sentimos falta de algo,
isso é SAUDADE.

terça-feira, 8 de setembro de 2009

Noite vem..



Quando a noite vem
traz a paz e a imensidao do luar
brilo, sons, poesias... além
De quem viver na esfera do pensar.

[Mário Pires]

domingo, 2 de agosto de 2009

Viver é bom de mais



Thurururu, Thurururuuuuuuuuuuuuuuuu....
Thurururu, Thurururuuuuuuuuuuuuuuuu.... 2x

Vejo de manhã o sol brilhar
Passando energia
Calmamente o dia vai mudar
Sorrindo vou seguir

Encantado com o brilho do seu rosto
A luz do teu olhar
Deus te fez um anjo neste corpo
Por isso eu sou feliz

Tudo que eu quero é te ver
Sonhar acordado
Levantar os braços para o céu (Refrão 2x)
Viver é bom demais

Thurururu, Thurururuuuuuuuuuuuuuuuu....
Thurururu, Thurururuuuuuuuuuuuuuuuu.... 2x

domingo, 5 de julho de 2009

Não faço...

Não faço aquilo
que queres,
nem tão pouco
o que me pedes.
Faço somente
aquilo que,
ao meu ver, é o
tu precisas.

[Mário Pires]

segunda-feira, 15 de junho de 2009

Amigos

Sou feliz por ter grandes e bons amigos. Amigos novos, amigos velhos, amigos de infância, amigos que ainda estão por vir. E por esse motivo pensei em todos vocês.
.


Amigos


Amigos são parceiros...
que estão sempre a nossa disposição.
Amigos são mãos...
que as vezes nos falta para levantar.
Amigos são lenços...
que nos ajudam a enxugar as lágrimas.
Amigos são ouvidos...
que nos escuta com atenção.
Amigos são pés...
que nos levam a lugares especiais.
Amigos são braços...
que nos dão forças para seguir.
Amigos são bancos de praça...
Quando queremos sentar e descançar.
Amigos são terraço...
Para termos uma visão melhor do mundo.
Amigos são Diário...
Onde guardamos nossos segredos.
Amigos são amigos...
Que por qualquer motivo,
a gente pode sempre chamar...
de Amigo.

[Mário Pires]

quinta-feira, 28 de maio de 2009

Poder voltar...



Noites de inverno
olho a chuva da minha varanda
levo-me aos pensamentos
de como o destino me incluiu
no mundo derivado de sonhos.

Misteriosamente, translúcido e sereno,
vejo-me montado num cavalo
que me carrega aos mosteiros mais distantes.

E lá, sinto a luz, a terra, o luar,
os rios, a selva e o mar.
Luz que invade os céus e estrelas,
que provocam ondas de calor,
com temperaturas frias,
sem momentos de dor.

Latejando em exuberancia
invoco-me de corpo inteiro,
transporto-me ao celtas,
traquejo nas palavras,
perco os sentidos
e volto no tempo,
sem saber...
como...
quando...
e por onde...
poder voltar.

sexta-feira, 8 de maio de 2009

Meu maior presente seria você

Por Mário Pires

O semblante triste, com lágrimas nos olhos, mostrava uma mãe desolada e insatisfeita com a vida naquele momento. Tudo parecia ter tomado um novo sentido, não aquele que ela tanto gostaria.
Meio que sem forças, caminhava sozinha pela casa, olhava pelos cantos, sentia uma dor tremenda que, nada, nem ninguém poderiam mudar naquele instante.
Era Dia das Mães.
Ela sabia que algo lhe esperava na sala. Um presente que ela não gostaria de estar abrindo, por que reviveria algo feliz em sua vida.
Mesmo assim, ao chegar na mesinha de centro, onde o presente a aguardava, viu uma embalagem, com algo não tão volumoso e abriu.
Dentro dele havia um DVD. Ligou o aparelho e o colocou.
Ao iniciar as imagens, mostrava a sala de sua casa, com algumas flores e de fundo a canção “Eu tenho tanto, pra lhe falar, mas com palavras não sei dizer, como é grande o meu amor, por você”. Em alguns segundos aparece sorrindo a imagem de seu filho, que dizia:
- Oi mãe!
- Hoje é seu dia. E estou feliz por estar aqui passando essa mensagem, pra fazer algo diferente do que já foi feito em todos os outros “dias das mães” – por que mãe é todo dia.
Sorrindo, ainda dizia: - Quero que você saiba que te amo demais. Não existem palavras, nem nada para mostrar esse amor que sinto por você.
Você é minha protetora, você é minha alegria, você é minha força, você é minha vida.
Sei que não tenho ajudado muito, não é mãezinha. Tenho sido um tanto desobediente. Agindo feito criança, fazendo coisas que você não gosta, me envolvendo com drogas, bebendo demais, e, algumas vezes pegando o carro escondido e saindo pra curtir com meus amigos.
Sentada ao sofá, a desolada mãe prestava atenção ao vídeo e com mão cerrando a boca e os lábios, sentia as lágrimas percorrendo em seu rosto.
Na tela da TV, seu filho sentado no mesmo sofá que ora ela sentava, sorria-lhe dizendo:
- Mas isso vai passar mãe. Eu sei disso. É só um momento de curtição. Eu “tô” ligado que isso é só agora. Vou voltar a estudar legal. Quero ter aquela profissão que você deseja, e te dar muitas alegrias.
- Bom mãe. E como eu não posso deixar passar em branco esse dia, comprei a máquina de lavar roupas que você tanto queria.
- Beijos maizinha. Te amo e...
Eis que por trás da câmera surgem seus amigos e com eles gritam: - FELIZ DIA DAS MÃES.
Finaliza o vídeo.
Copiosamente em lágrimas, em pleno Dia das Mães, faltava naquela jovem senhora o desejo de viver. Clamava a Deus por respostas, ou que, remotamente, o tempo voltasse para que ela podesse ter aproveitado mais aquele momento. Mesmo sabendo que com suas falhas, de não ter observado com quem seus filhos andavam, sem ter tido tempo de ir à escola saber como estavam suas notas, por ter perdido a oportunidade de ter dado muitos beijos e carinhos ao seu filho, acreditando que dando-lhe presentes e fazendo suas vontades, fossem as melhores coisas que fazia.
Ainda sentada ao sofá, lembrando da imagem de seu filho na tela, aquela mãe fechando os olhos dizia: - Meu maior presente seria você meu filho.

Que neste dia, muitos filhos sintam-se tocados em seus corações e que ao invés de dar presentes, dêem orgulho.

segunda-feira, 4 de maio de 2009

Se eu...

Se eu...
não gostasse tanto de mim,
não gostaria tanto de você.

Se eu...
não gostasse tanto de você,
não teria esquecido tanto de mim.

[Mário Pires]

Tem coisas...

Tem coisas
que palavras não dizem,
somente o olhar expressa,
e o carinho confirma.

[Mário Pires]

quinta-feira, 30 de abril de 2009

Longe de Mim

Onde estou
Não posso ver.
Em qualquer lugar
Inacreditável é crer

Não uso meus pés
Não marco passos no chão
Pegadas tortas e atravessadas
Sonhos de chuva e trovão

Não sinto mais o meu corpo
Não penso assim
Estou vivo em você {Refrão Bis
Muito mais longe de mim

Longos caminhos enfrentados
terra e asfalto, pedras e areia
somente o vento em meu rosto
Na noite escura... a lua me clareia

Não sinto mais o meu corpo
Não penso assim
Estou vivo em você {Refrão Bis
Muito mais longe de mim

terça-feira, 7 de abril de 2009

Sou assim...

Eu já fui feto, virei criança, me tornei mais esperto.

Sou Luzimário, Mário, Marinho... com Pires e Jesus, sonhos, esperanças de ser o que não fui, ou fazer o que não fiz.

Sou filho, sou pai, sou amigo, sou adulto, sou menino. Ora engraçado, Ora atordoado, feliz ou em busca da felicidade. Lutando e vivendo, respirando mentiras e verdades.

Sou marketeiro e designer, músico, compositor. Sou poeta, se houve poesia, linhas inversas com frases de amor.

Sou um pouco de tudo. Sou de tudo um pouco.

Sou o sonho que alguém sonhou, ou o sonho que nunca sonhei. Clarividente do meu futuro, por tudo aquilo que desejei.

Sou a metade do que sonho, sou a palavra escrita a próprio punho. Sou o que você quiser. Por que sou... e sempre serei... do mundo.

Sou assim, e assim vou sendo.

segunda-feira, 6 de abril de 2009

Caminhar...



Caminhar
é o mais singelo dos movimentos
para chegarmos onde queremos.
.
Olhar o tempo e analisar a vida
é o complemento para nos tornarmos mais maduros.
.
Sonhar é a principal forma de viver
e a unica maneira de buscar ser feliz.
.
[Mário Pires]

quinta-feira, 2 de abril de 2009

Ler e sentir

Um sorriso lindo,
uma flor em seu florir.

Uma energia forte
que em mim faz emitir,

alegria e poesia,
pra você ler e sentir.

sexta-feira, 20 de março de 2009

Recanto das Letras

Olá pessoal, entrei pro mundo do Rencando das Letras...
se quiserem ver meu perfil, basta visitar o link abaixo.
grande abraço...

http://recantodasletras.uol.com.br/autores/mariopires

quinta-feira, 26 de fevereiro de 2009

Eu sou...



Não sou ninguém
só querendo ser
alguém!

[Mário Pires]


Oh sonho meu...
que exala teu cheiro,
que perfuma meu espaço
e me faz ir além.
Oh Sonho meu...
me faz uma canção,
te faz de meu guia
me recobre de amor.
Oh Sonho meu...
em teus caminhos quero estar,
aprender a sorrir e voar,
perdido no entardecer do sol.
Oh Sonho meu...
deixas de ser meu sonho,
e leva-me onde quiseres
e se assim preferes,
entregar-me-ei aos teus remansos.

[Mário Pires]

segunda-feira, 23 de fevereiro de 2009

Diferente...



Cada dia é diferente.
Insolúvel é não permanecer aos pensamentos.
Minha luz ora brilha intensamente
Ora ofusca em tormento.

O dia pode ser quente,
A noite pode ser fria.
Nem sempre vivo ativamente.
Sou diferente a cada dia.
[Mário Pires]

domingo, 22 de fevereiro de 2009

Princesa do meu país...




Imagem da Tela: Princesa do Ébano

Canção: Princesa do meu país
Autor: Mário Pires

Sacudindo o meu peito quero te encontrar
Eu fico atordoado com o seu calor
Fecho os olhos tão depressa pra imaginar
Seu doce nos meus lábios lembra teu sabor

No meio das estrelas admirando o céu
Me volta o sentimento, a recordação
Te desenho por inteira em folha de papel
No meio do teu corpo tens um coração.

Ver você...
Torna-me mais feliz.
Pois você...
É tudo que eu sempre quis

Ter você...
Torna-me mais feliz.
És você...
Princesa do meu país.

* * *

A letra está aí..o ritmo.. só me ouvindo cantar,
ou quem sabe em breve nas melhores rádios. rsrs
Abraços!

quarta-feira, 18 de fevereiro de 2009

Responsabilidade...

A responsabilidade é algo que não foi assimilada por todas as pessoas. Ela sempre nos bate à porta apresentando e cobrando por nossas atitudes e compromissos assumidos perante nossos familiares, entes queridos, filhos, amigos e demais pessoas que estão no nosso círculo de existência.

Necessariamente precisamos ter a responsabilidade ao nosso lado como sombra na caminhada, na construção da nossa história, e principalmente, no processo futurístico de nossas vidas, onde buscamos, junto com a responsabilidade, confiança e apreço pelos demais irmãos que nos acompanham neste planeta.

Além de nossas próprias responsabilidades, somos responsáveis pela de todos aqueles que estão ao nosso redor, por aqueles que nos deposita nada mais nada menos do que oportunidade de mostrarmos quem verdadeiramente somos.

O nível de responsabilidades pode ser mensurado através de uma breve avaliação de seus conceitos e das formas que determinam seu jeito de ser e agir. Enfim, trata-se de uma força que lhe sobrecarrega por toda existência, mas que lhe assegura o poder de consideração, independente do tipo de responsabilidade que esteja relacionada.

Superior ao que imaginamos, a responsabilidade nos faz homens e mulheres de bem, com credibilidade diante dos outros que têm também suas responsabilidades e que está vinculada aos seus conceitos e atitudes do dia-a-dia.

A responsabilidade nos acompanha desde o início da nossa existência. Ela chega em nossas mãos como um dever, que quase sempre não é cumprido, principalmente por quem mais esperamos. A responsabilidade consideravelmente não é para todos.

Em nossos anos iniciais, cativamos a responsabilidade de fazermos o bem. O que muitas das vezes não ocorre. Plantamos a responsabilidade da verdade. E na maioria das vezes mentimos, até para nós mesmos. Germinamos a responsabilidade do amor, mas não o correspondemos como deveríamos. Acabamos promovendo a insensatez.

Posteriormente, nos tornamos também responsáveis por muitas coisas além do nosso espaço físico, astral, mental, sensorial. Em meio à sociedade, a responsabilidade é um fator multideterminador do crescimento profissional, seu e de quem lhe dá suporte, formatando sua imagem, seu conceito, seu elo de ligação para inerentes atividades.

A responsabilidade não está permanentemente direcionada a você, ao que você faz, ao que você busca, ao que você sonha, ao que você acredita. Está inserida também nos demais ao seu redor, que buscam, sonham, acreditam, vivem. Quanto mais responsável com você mesmo, mais será com os que estão englobados ao seu mundo.

Porém, a falta de responsabilidade torna-se um ato maléfico e vicioso, do qual, muitos saem prejudicados, machucados, desacreditados e diminuídos, pela dependência que você cumpra com suas obrigações e responsabilidades, independente das circunstâncias.

O cumprimento de seus atos não beneficia somente a sua imagem, mas também a do seu semelhante. Por isso, seja responsável.


Mário Pires
Gestor de Marketing

terça-feira, 17 de fevereiro de 2009

Minhas frases...




A importância
que temos para alguém,
não cabe a nós mensurar.
Mas nossos próprios
mensuradores.

[Mário Pires]

sexta-feira, 13 de fevereiro de 2009

Vai buscar a Dilma...


Vai buscar a Dilma... vai buscar a Dilma ligeiro.

É incontestável que o Presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, esteja usando do poder, ou seja, de sua condição de representante maior deste país, para lançar aos poucos ou aos montes, o nome da ministra-chefe da Casa Civi, Dilma Roussef, à sucessão presidencial.

O PAC - Plano de Aceleração do Crescimento, tem sido um dos maiores motivos para a vinculação de Dilma ao desenvolvimento do Brasil. Desenvolver o Brasil é um dever e obrigação de seus representantes, não usá-lo como imagem de favores à comunidade brasileira.

Essa associação da ministra-chefe com o PAC, agrega sim muito valor aos futuros números de pesquisas a serem realizados em 2010, quando teremos novas eleições para o cargo mais importante deste país.

Além disso, Lula está com a ”máquina” nas mãos. O poder facilita muita coisa, principalmente no meio político e contra ele, infelizmente, não há ninguém que possa neste momento. É deitar e rolar.

O ex-presidente do Brasil, Fernando Henrique Cardoso, sentindo que seu partido, o PSDB, está prejudicado com esse leva e trás da ministra-chefe a tira-colo e vê “campanha aberta” do presidente Lula. “Ele é o presidente e faz o que quer”, descarrega FHC completando que a Lei não permite este tipo de atitude.

Mas onde está a Lei neste país? A Lei não deveria ser para todos?
Acredito que o Supremo Tribunal Eleitoral, pode ser a autoridade pública com poder para embargar este tipo de ação, e sugiro: Dilma Roussef não poderia ser anunciada como candidata a Presidente pelo PT – Partido dos Trabalhadores, pelo simples fato de estar abusando de obras públicas para beneficiar sua imagem, visando as eleições de 2010.

E como estamos iniciando o período momesco, no mínimo, o nosso presidente deve estar inspirando-se na nossa querida Ivetinha. E, onde ele vai, deve sair dizendo a seus comandados e correligionários: Vai buscar a Dilma... Vai buscar a Dilma ligeiro...

E assim, o carnaval na política vai rolando nos blocos, ao lado das cordas e enxertando no folião pipoca a imagem da Dilma, ligeiro, ligeiro...

[Mário Pires­]

terça-feira, 10 de fevereiro de 2009

Certas Canções




Queria ouvir Cazuza e me tornar um beija-flor
e perceber Caetano falar da Tigresa
que um dia João Bosco fez em Papel Marchê.

Sendo assim, passar por Saigon
e encontrar Emilio Santiago
ao lado dos Morenos todos
parecidos com Marrom Bombom.

Na sua estante estaria Pitty
cantarolando Dias Atrás com
o grupo do CMP22,
ouvindo Como dois e Dois, de novo
por caetano e pelo Rei Roberto depois.

Mas o que seria de Camila
se Nenhum de Nós fossemos atrás,
Envelhecendo na Cidade com a IRA!
de quem viu uma Anã Paraguaia na esquina
com os Inimigos do Rei.

Mas eu, na verdade, tomaria
um Absynto ouvindo Meu Ursinho
Blau Blau e revirando os olhos
em tapete escritos na Paixão
de Cleiton e Kleidir
no Papel de Pão por Jorge Aragão.

My immortal seria a canção exata
se Evanescence não tirasse
da Tua boca o que um Belo dia escrevi
em Palavras ao Vento junto com
Cássia Eller... ouvi.

Mas enfim, sou Completamente Apaixonado
no Exaltasamba te achando Linda e Caetano
nA Estrada observando uma Cidade Negra
e Marisa Monte dando Adeus Batucada.

Pois é assim que continuo Sozinho
com Peninha por que Não me iludo
no Tempo Rei de um certo Gil.

E assim é a Hora da Partida
onde Zeca Pagodinho comprou
os Bilhetes de Amor do Sangue
Latino, pedindo Patience para
os Guns and Roses.

Vou-me embora com Paulo Diniz.
Pois Tô deixando você e Chitãozinho
e Xororó na Lembrança do meu Beijo
que Fagner cantou.

Isso é só o fim.. com Marcelo Nova
na Camisa de Vênus.

[Mário Pires]

quinta-feira, 29 de janeiro de 2009

Minhas frases...



O que os ventos assobiam
refresca os pensamentos.
Então, aqueça seus ouvidos.

[Mário Pires]

Que tipo de constrangimento...


A cada dia nos confrontamos com uma sociedade totalmente desnorteada, sem rumos ou pelo menos sem um nível elevado de “QI” - termo utilizado para avaliação de inteligência das pessoas.
A educação neste país esta cada vez mais fora de contexto. Os exemplos de educação precisam de muito mais apoio, investimentos e reconhecimento. Vai muito além disso. A educação familiar deve ser um fator preocupante, deve ser reestruturada. A base do ser humano é a família.
Entretanto, acredita-se que hoje tudo é moderno, tudo se pode, quase nada é proibido, principalmente quando se tem como tema as apelações sexuais.

O país que busca o combate a violência contra a mulher, a exploração sexual infantil, o tráfico de seres humanos e a prostituição num modo geral, tende ainda a deparar-se com situações nada tão agradáveis.

Esta semana foi divulgada na imprensa, que no município de São João Del Rei – Minas Gerais, uma jovem, menor de idade, e sua mãe obtiveram ganho de causa na justiça contra um jovem, tendo a profissão de editor de vídeo, que fotografou e divulgou as fotos na internet da jovem - na época com 14 anos, tendo relações sexuais com o tal editor, na época com 22 anos.

O fato, ocorrido em outubro de 2005, teve seu processo iniciado em março de 2006 – sete meses depois, e somente agora, mãe e filha conquistaram o direito à indenização por constrangimento de divulgação das fotos na internet.

A divulgação de imagens sem a devida autorização realmente podem causar transtornos, e o seu processo resulta em multas, prisões e indenizações como esta que ora comentamos.

Até aí tudo bem. Apesar da liberdade de expressão, nosso direito e respeito terminam quando começam o do próximo. Contudo, um fato neste assunto, provoca também certo desconforto. É notável que o rapaz agiu erradamente, fotografando e mantendo relações sexuais com uma menor de idade, abusando-a indevidademente, principalmente se considerar-mos que seu corpo, de menina, ainda está em estado de metamorfose, ao ponto de tornar-se uma mulher completamente.

Este caso deveria ser considerado como abuso sexual, estupro, aliciamento de menores, exploração sexual, entre outras acusações contidas no código penal brasileiro e sem sombra de dúvidas, ele merece toda a punição transcrita nos artigos e parágrafos para transgressores primatas como este.

Porém, o tema do ganho de causa, o considero um tanto absurdo. Da seguinte forma: mãe e a filha solicitaram indenização somente pela divulgação das fotos.

Meu Deus! Independente de divulgação das fotos, este homem, se é que podemos chamar de homem, abusou de uma adolescente. Parece-me que foi irrelevante, pelo que mostra o teor da matéria, que o ato sexual com uma menor de idade, não foi levado em conta.

Transcrevendo trecho da notícia, “a garota e a mãe acionaram a justiça, dizendo que a divulgação das imagens provocou constrangimento das duas”.

Pergunto: o constrangimento está somente na divulgação das fotos? O processo não poderia ser por um motivo maior? Onde estão os demais valores ao ser humano? Quer dizer então, que se não tivesse divulgado as fotos estaria tudo bem?

Ah! Pode transar com minha filha de catorze anos, mas não pode divulgar as fotos!!
É! Parece que os constrangimentos mudaram. E eu ainda não percebi.
Mas que tipo de constrangimento héim!
Precisa-se de valores morais!

Mário Pires
Gestor de Marketing

sexta-feira, 16 de janeiro de 2009

Ararinha Azul...

Fiz a foto no Zoológico de Salvador.
E quando fui editá-la... veio a inspiração.



Ararinha Azul


Em tuas asas quero voar,
seguir caminhos bonitos,
ver o sol de perto,
ficar de braços abertos,
ir de norte a sul.

Me leva em suas lindas penas,
e no ar... só nós dois apenas,
minha doce Ararinha Azul.

[Mário Pires]