quinta-feira, 24 de abril de 2008

Quando falta...



Quando falta a paz,
busco um canto vazio
o silencio do rio,
a distância da multidão.

Quando falta carinho,
entro no meio do ninho,
evito ficar sozinho,
e viro o centro das atenções.

Quando falta o desejo,
mesmo que seja de um beijo,
recheado de tsão e lampejos,
racha-me os lábios secos.

Quando falta o sorriso,
levanto a cabeça e nem olho pra onde piso
páro tudo que digo
e estico a bochecha de um canto a outro.

Quando falta tempo,
vivo um grande tormento,
talvez um eterno lamento
por não controlar minha vida.

e Quando falta você,
fico acordado até amanhecer,
perco o sono, com vontade de ter
um gostoso abraço com amor.

[Mário Pires]

16 comentários:

Anônimo disse...

Nossa, desculpe mas hoje não tive como não comentar...lindo esse texto, lindo mesmo...me lembrou uma amiga distante, mas tudo bem...Parabéns, que bom que sua inspiração é constante...rsrsrs

Hellem Pereira

Crie Styllo disse...

Amigo vc está cada vez melhor...rsrsrs, continue assim inspirado e com styllo. xero

Mônica Barbosa - Salvador disse...

Olha em breve quero ir a Juazeiro no lançamento do seu livro. Você é um poeta sensível, realista e que vive nas margens do Rio São Francisco, Um juazeirense com ideias vivas...

Adalberto disse...

Olá meu brother. Parabéns pelo belo poema. Um forte abraço e tenha um belo fim de semana.

paulinhar.mac disse...

Cada vez te adimiro mais, você é meu idolo pela criatividade, responsabilidade, força, ...., e pelas recentes lindas linhas de seu poema, das quais transparecem grandiosa sensibilidade.
Sempre, sempre... torcendo por MAIS sucesso em sua vida.

Paula Machado

Marta Matos disse...

Oi Mário, lindo seu poema. TÔ com saudade de vc. abraço e bom final de semana

Alma Imortal disse...

"e Quando falta você,
fico acordado até amanhecer,
perco o sono, com vontade de ter
um gostoso abraço com amor."

Belo texto... Belo mesmo...

Beijos doces pra ti...


Te admiro!

Rosângela disse...

Mário...
Tanto tempo que te conheço e não sabia que tu és um escritor, poeta...sei lá, vc é tão inteligente!!! Amei esse poema, me emocionei ao ler! Lindo, lindo...parabéns!!! Bjss no coração...a saudade que sinto de uma pessoa muito especial pra mim aumentou ao ler...
Danda

Luiz disse...

Bom dia Mario, você tem grande inspiração e criatividade. Li alguns dos seus poemas e tenho certeza que sua realização profissional se tornará verossímil. Continue assim,as coisas mais difíceis na vida são as mais valorosas, pois desperta em cada um o olhar para o seu interior e nesta busca encontra o seu objetivo alcançado. Está intimado a vir na nossa casa, em Rio das Ostras, fale com sua prima Imaisa, agora você deve saber quem sou eu!

TAIANA disse...

PRIMO QUE POEMA LINDO,QUE INSPIRAÇÃO... ARRASOU.
BJS

Núbia disse...

Sem palavras...muito tudo rsrs!!! Só me resta te parabenizar cada vez mais!!!
Bjs.

Imaisa disse...

Primo!!! O que dizer de um poema tão lindo e profundo, só pessoas sensiveis e com muito amor no coração são capazes de colocar em palavras nossas emoções. parabéns!olha eu quero um livro autografado. bjs

Francy disse...

É muito bom ter um amigo poeta, filósofo. Um beijo e que Deus ilumine sua mente te dando cada vez mais inspirações e poemas belíssimos como os que tem feito.

Josué disse...

A anatomia do amor e do horror, que nos encanta e fere todos os dias, é dissecada nestes poemas vibrantes. Sem ilusões de menino, mas ainda com fome de entender o mundo, Mario se distingue como poeta corajoso, misto e ficcionista. O mistério das paixões, a capacidade da arte de nos transformar – o cotidiano é a matéria-prima com que ele trabalha sem cessar, ora se incluindo no jogo, admitindo seus sonhos, confessando paixões, ora preferindo se ocultar.
A sua inteligência serve ao seu emocional e o seu emocional contamina a nossa percepção como leitores. Brilhante seus poemas.

Joshué Ferreira (Dr. em Lingüística)

Anônimo disse...

eeeita...
assim vc abala mesmo...
muito lindo....
aja inspiração...rsrsrs
xero grande lindo.

Anônimo disse...

Dizem que a poesia ajuda a "salvar o mundo".Contemplando a sua pérola "quando falta", constatamos o quanto essa máxima é verdadeira. Vc dá a receita de libertação!!!!

PARABÉNS PELO "BLOG".BONITO, DISCRETO, RICO E SUBLIME!!!

J.Menezes